!DOCTYPE html PUBLIC "-//W3C//DTD XHTML 1.0 Transitional//EN" "http://www.w3.org/TR/xhtml1/DTD/xhtml1-transitional.dtd"> Calma Penada: O Inimigo do Interior

Calma Penada


«O optimismo é uma preguiça do espírito». E. Herriot. + «Uma assombração que se preza não pode ser preguiçosa. Buuuh!». O Fantasma do Misantropo.


quinta-feira, maio 04, 2006

O Inimigo do Interior

Quem, anos a fio, viveu o combate isolado de S.A.R. o Senhor D. Duarte de Bragança e do Prof. Adriano Moreira em prol do termo da ocupação e ulterior tentativa de anexação de Timor Leste vê, necessariamente, com melancolia a debandada populacional para a montanha. As relações do Homem com os montes sempre foram eivadas de um misticismo natural, considerando a majestade de um relevo que permitia maior proximidade do Céu. Mas é curioso que durante o interlúdio de domínio da ex-colónia holandesa, com difusão de língua e religião diferentes que transformaram as locais em factores identitários, quem procurava refúgio nos cimos altaneiros era a pequena parcela disposta a resistir activamente, não massas significativas em êxodos motivados pelo pânico.
O que faz concluir que as dissensões internas podem ser mais de temer do que a conformação a um invasor. É que a dureza não mata tanto como a desordem. E faz da opressão coisa risível, quando comparada com a incerteza.

sustos2 Sustos:

Caro Paulo

SAR o Senhor D. Duarte teve e tem uma acção memorável em favor do povo timorense, especialmente quando a 'republica' em que vivemos lhe virou definitivamente costas. Uma acção tão injustamente esquecida.
Mas o curioso é que se perguntar em terras timorenses quem é o presidente de Portugal, grande parte respondem-lhe prontamente: D. Duarte.
Meu Caro SA:
Naquela boa gente é uma homenagem e por isso deve ser encarecida. Pudessem eles ter conhecimento do que estão a dizer e aperceber-se-iam que o elogio é o "beijo de judas". Mas sem culpa todo o odioso fica percutido, evidentemente.
Abraço apertado.

Add a comment